Move That Jukebox!


Notinhas de sexta-feira by movethatjukebox

Cerca de três anos depois de lançar seu último álbum de estúdio – Modern Times, de 2006 -, o lendário Bob Dylan pegou a imprensa de surpresa ao anunciar o lançamento de um novo disco de inéditas, pela Rolling Stone americana. Produzido por Jack Frost, seu pseudônimo, o álbum ainda está sem nome, mas deve ficar pronto para os fãs do músico em abril.

Talvez o clássico e futurista filme Tron, produzido pela Disney nos anos 80, não seja da sua época – não é da minha, pelo menos -, mas você terá a chance de assisti-lo numa versão bem moderna em 2011. Enquanto o longa teve sua trilha sonora escrita por Wendy Carlos (O Iluminado, Laranja Mecânica) em sua primeira edição, essa será a vez do francês Daft Punk compor o fundo musical do longa-metragem.

O duo já vem trabalhando em novo material desde 2006, e é possível que um outro disco esteja vindo por aí.

Os punk-rockers do Razorlight não parecem ter sorte com bateristas. Depois de perderem Christian Smith-Pancorvo, formador do grupo, o ex-atual batera Andy Burrows anunciou oficialmente sua despedida dos Razors. Em nota à imprensa, Burrows afirmou que sua saída não se deve a nenhum tipo de discórdia com os demais integrantes da banda, culpando problemas particulares. Segundo o vocalista Johnny Borrell, o substituto David Sullivan-Kaplan (vulgo Skully, da banda Men, Women & Children) cuidará do drum set até o fim do ano.

Em um programa de rádio da NME, Pete Doherty soltou que “os Libertines têm que voltar, já que não teve seu trabalho concluído”. De um outro lado, Carl Barât não parece concordar muito com a idéia…

Em junho tem álbum novo do Kasabian, confirma a banda. Intitulado West Rider Pauper Lunatic Asylum, o terceiro trabalho da banda conta com um dueto de Tom Meighan com a atriz Rosario Dawson (Sete Vidas, Sin City, Santos & Demônios) em uma de suas faixas.

Pra terminar, deixo Florence and the Machine e sua interpretação de ‘Postcards from Italy’, do Beirut. Confesso que não sei se acho bom ou ruim.



Uma dose exagerada de informação by movethatjukebox

Hoje é quarta-feira, mas está quase tudo parado devido as férias de final de ano e, claro, à véspera de ano novo. Todos preparados para o réveillon? Eu estou e, para finalizar o ano bem, venho fazer um mega update sobre os acontecimentos dos últimos dias. Como se não bastasse a coletânea do Marçal…

Ah, antes de começarmos… Você já votou no Best Blogs Brazil? O Move That Jukebox! está entre os cinco primeiros em sua categoria, mas queremos ainda mais – e, para isso, contamos com você! Se inspirem na mobilização bonita que está acontecendo na comunidade do The Killers em prol do nosso brogui (e, se você for moderador de alguma outra comunidade, mobilize seu povo!). Agora vamos lá…

– O Blur andou se atualizando e reformou completamente sua página no MySpace, que agora conta com blogs recentes e agenda de shows atualizada. Vale lembrar que o grupo volta aos palcos em Julho com dois shows marcados (sendo que um deles já teve seus ingressos esgotados) e que, segundo o The Sun, estão confirmadíssimos para o Glastonbury ’09. Mesmo com as atualizações, a tensão de saber quem são os misteriosos “special guests” não passa – uma situação semelhante à dos brasileiros em relação às bandas brasileiras que abrirão para Kraftwerk e Radiohead no Just a Fest, que acontece nos dias 20 e 21 de Março.

– Falando em Blur, o baixista Alex James falou ao The Mirror que ficaria surpreso se Amy Winehouse e Pete Doherty sobrevivessem até a virada do século. O curioso é que o próprio Alex, que já admitiu ter consumido cocaína em quantidades altíssimas, está vivíssimo até hoje com seus recém-comemorados quarenta anos. É mais ou menos aquele papo de cospir no prato em que comeu… ou não.

– Ah, emendando com o tópico de cima, o assistente do empresário de Amy deu uma declaração a um jornal local em que dizia que a cantora torrava cerca de 3,500 libras com drogas SEMANALMENTE. Além disso, Alex Haines ainda lembrou do momento bulímica de Wino contando que chegou a encontrar sua escova de dentes vo-mi-ta-da. Barbaridade, né? E o pior é que falavam que os dois tinham um caso, lembram?

– Sei que isso é desinteressante para a maioria de vocês, mas vale comentar que o Ladytron estará abrindo (mandem um “alô” pro meu gerundismo infame) para o bom e velho Depeche Mode láá na européia Península Balcânica em Maio. A gente nunca sabe quando um leitor jukeboxer vai dar uma passadinha por aquela região, não é verdade?

– Nomeado a personalidade do ano pelo MusiCares, o músico Neil Diamond receberá homenagens de Adele, Foo Fighters, Coldplay e de outros artistas em um concerto beneficente em fevereiro, coladinho com a cerimônia do Grammy. Com 67 anos, Neil segue os passos de outros grandes nomes como Bono Vox, Sting, Elton John, Quincy Jones e Pavarotti.

– Enquanto as apresentações brasileiras do Coldplay não são confirmadas, a banda divulga em seu site oficial algumas coisinhas para o Natal. Visitando Coldplay.com, você pode fazer o download gratuito de Viva La Vida remixada por Thin White Duke (a.k.a. Stuart Price, que já remixou Kasabian, New Order, Beck, The Killers, Madonna e uma penca de outros artistas) e conferir o quarteto usando gorros de papai noel e fazendo sua versão de Jinggle Bells com o ator Simon Pegg (ok que o vídeo não quer rodar no meu computador, mas ele está lá!). A performance natalina foi feita no O2 Arena, onde Chris Martin foi barrado durante alguns minutos por um segurança que não o reconheceu.

– Pegando as sobrinhas do Coldplay, estão dizendo por aí que Chris fará uma participação no próximo CD de Leona Lewis. Será?

– A campanha One Laptop Per Child (um laptop por criança, em português) recriou John Lennon digitalmente para dar ainda mais força à sua campanha. Na propaganda, John pode ser ouvido e assistido incentivando a causa: “Imagine se todas as crianças do mundo, independente de onde estiverem, pudessem acessar um universo de conhecimento”. Yoko Ono aprovou, e você vê o vídeo aqui:

Ian Brown, vocalista do extinto Stone Roses, avisou aos fãs pelo MySpace que está trabalhando em novo material. O sexto álbum do cara deve ser lançado em Agosto.

– Depois de lançar o documentário Mirroir Noir, o Arcade Fire está trabalhando em seu terceiro álbum – mas Win Butler avisa: Sem responsabilidade alguma. Butler contou à Pitchfork que está adorando compor sem ter a usual responsabilidade de gravar um disco em um período de tempo pré-determinado, mas também deixou claro que não quer fazer os fãs esperarem tanto para um álbum novo quanto aconteceu entre o lançamento de Funeral (2004) e Neon Bible (2007).

– O site A.V. Club publicou uma lista quilométrica do que, para ele, foram os piores nomes de bandas de 2008. Dividida em categorias (como “Melodramatic Theater Nerd Names”, “Still Doing The Wolf Thing” e “!!!!!!!!”), a lista classifica o Natalie Portman’s Shaved Head (da categoria “Reworking Proper Names and Trademarks”) como o pior nome de banda do ano. Aguardem, pois vocês vão saber o que o grupo achou disso assim que a primeira  magazine em PDF do Move That Jukebox! for lançada, na primeira quinzena de janeiro.

– Antes de ver o Little Joy ao vivo, os brasileiros vão poder comprar a edição nacional do disco do trio (que, ao vivo, se transforma num sexteto) em diversas lojas. O álbum será lançado pelo selo Som Livre Apresenta a partir de janeiro e foi escolhido pelo jornalista britânico Nick Hornby (autor do filme Alta Fidelidade) como o melhor de 2008. Na lista do rapaz, Vampire Weekend vem logo atrás (rimou, rere), na segunda posição.

– Assistindo a um show do Killers em Londres, Sir. Paul McCartney resolveu seguir a linha de Elton John e soltou que gostaria de gravar algo com os americanos. Mais uma vez usando o The Sun como fonte, eu digo a vocês: Paul não só gostou da apresentação como libertou seu eterno espirito jovial e entrou no camarim de Brandon Flowers dançando e usando uma máscara feito a de Alice Cooper. Tá aí algo que eu pagaria pra ver.

– Por hoje, é só. 2008 vai acabando e, nas últimas horas do ano, gostaria de desejar muita sorte, dinheiro e pessoas do sexo oposto (ou do mesmo sexo, caso você curta) a todos vocês! Feliz ano novo, uhuuu!

Por Alex Correa



E o Glastonbury tá chegando, minha gente… by Neto
junho 25, 2008, 11:59 am
Filed under: Outros | Tags: , , , , ,

Glastonbury Festival (lê-se formigueiro humano)

Pois é, o festival mais esperado do ano por muita gente tá quase começando. O Glasto 2008, que acontece naquela hyper-fazenda de Pilton, terá início em 27 de junho e segue por mais dois dias (logo – faça as contas – termina no dia 29).

A imprensa de todos os cantos do Reino Unido tem falado – e muito – dos ingressos pro festival. Acontece que os tickets que sempre se esgotaram igual água têm encontrado dificuldade para sumirem nessa edição do evento (que, segundo estimativas, custou cerca de 22 milhões de libras para os organizadores). Muitos dizem que o problema para a venda dos ingressos foi o novo sistema usado para a compra de tickets (que foi instalado em 2007 e, se comparado com os antigos, é extremamente rígido).

Entretanto, Michael Eavis, fundador do Glastonbury, disse que a real causa da baixa procura pelos ingressos (segundo os organizadores, ainda sobram 3 mil tickets) são as incertezas climáticas: Mesmo com tanta tecnologia, não é possível garantir ao público que não vai chover no final de semana glastonburyático – e, você sabe, glastonbury = show com lama / show com lama + chuva = show com muita lama / show com muita lama + você no meio de tudo isso = desgraça (se bem que eu não ligaria muito de voltar pra casa coberto de sujeira depois de ver os shows dos meus maiores ídolos).

Orcs brigando na lama (lê-se público despreocupado do Glasto)

Amy Winehouse, aquele cadáver ambulante que você já se acostumou a ver toda hora na televisão ( tenho pegado muito pesado com a pobre coitada nos últimos posts?), vai mesmo cantar no Glasto – mas não é esperado nada melhor do que a apresentação da cantora no Rock In Rio Lisboa. Carl Barat (que, assim como Amy, andou bem doentinho mas já está melhor), ex-libertine que agora está no Dirty Pretty Things, deve fazer um show solo no segundo dia de evento, seguindo o estilo “não-faço-questão-de-tocar-com-a-minha-banda” que também tem o seu ex-colega de trabalho (e ex-presidiário) Pete Doherty como adepto. Três viciados em um parágrafo só é demais pra mim.

Jornais londrinos também têm falado que Wiley, aquele MC britânico que nem faz muito sucesso no Brasil, vai fazer uma aparição surpresa (que já nem é mais surpresa) no show do Hot Chip, que acontece no ‘Other Stage’.

Então, que venha o Glastonbury! Mais um festival fodão que eu nunca vou poder ver ter de perto.

Autor: Alex Correa (Alguém leu esse artigo inteiro?)

Fontes: NME, XFM e meus conhecimentos de mundo (?)



Resumo da Semana by Gabriel

2ª Virada Cultural

Começa neste sábado (17) a 2ª Virada Cultural de São Paulo. No entanto, desta vez, o alvo será as cidades do interior do estado. Assim como a outra, que inclusive nos rendeu a entrevista da semana com o Luísa Mandou Um Beijo, o evento promete 24 horas de boa música e grandes atrações.

Acredita-se que mais de 500 mil pessoas marquem presença nos shows, inclusive no encerramento, que acontecerá amanhã na capital mesmo, no Parque Villa-Lobos, Zona Oeste da cidade.

Arnaldo Antunes, Funk Como Le Gusta, Lobão, Nação Zumbi, Luiz Melodia, Zeca Baleiro, Forgotten Boys, Juca Chaves, Pato Fu, Cachorro Grande e Cordel do Fogo Encantado são algumas das atrações confirmadas.

Paul McCartney

Momento fofoca.

E finalmente termina o casamento de Paul McCartney e Heather Mills, pelo menos provisioriamente. Como os dois moram separados há mais de 2 anos, foi concedida essa resolução provisiória. No entanto, eles têm 6 semanas para decidirem mudar de idéia e reatar. Mas depois dos 48 milhões de dólares arrancados de McCartney por Heather Mills, opção pouco provável.

Foo Fighters

O 105° aniversário da Harley-Davidson contará com grandes atrações. A última novidade é o Foo Fighters, que juntamente com ZZ Top, The Black Crowes, Black Rebel Motorcycle Club, Dayghtry e Bruce Springsteen, animarão a festa.

O evento ocorrerá entre os dias 28 e 31 de agosto na Summerfest Grounds em Milwaukee, Wisconsin.

Foo Fighters

Oasis

A banda estava sem baterista, por motivos já anunciados. Mas o problema já foi resolvido, ou quase.

Para substituir Zak Starkey, entra Chris Sharrock, que já contribuiu com Robbie Williams em um passado não muito remoto. Algumas fontes chegam a dizer que essa atitude de Noel, como bom encrenqueiro, tem em vista enfurecer Robbie Williams.

Coldplay

De acordo com Chris Martin, o vocalista, antes de começarem a gravar o próximo álbum deles, o Viva La Vida e muitas outras coisas, a relação entre eles não estava lá muito boa. O álbum foi de grande importância para que se reaproximassem.

“O lugar a que chegamos há dois anos parecia sujo. Nós não estávamos conversando. Todos nós tinhamos nosso escritório em um prédio, mas não havia curtição”

Parte da recuperação da amizade e do prazer em fazer música foi graças a Brian Eno, produtor deste último disco.

“Nós tivemos que ter o nosso próprio espaço e então chamar o Brian. Nós decidimos tocar em um pequeno espaço, esquecer as premiações e críticas.”

Outra coisa! O clipe de ‘Violet Hill’ já saiu, e você confere clicando aqui (pelo menos até que o You Tube delete). Sem contar a versão política não oficial, aqui.

Mallu Magalhães

Mallu Magalhães

A jovem revelação não cansa de fazer sucesso. Nessa semana, Mallu – que já deu as caras no Programa do Jô, Altas Horas, entre outros – estreou no novo comercial da Vivo, com a música ‘J1’. Cantando “pa-pa-pa-pá, will I have to try again?”, a mais nova revelação nacional mostra que realmente veio para ficar.

Confira o comercial:

Amy Winehouse, Pete Doherty e co.

Com tantas notícias (ou melhor, fofocas) sobre a cantora, não nos resta outra opção se não deixarmos pra falar tudo no final de semana.

Vamos começar com o vídeo estranho da dupla. Pete postou em seu canal de vídeo do YouTube três vídeos: Os dois primeiros são estranhos, toscos e, pra muita gente, talvez até crueis. Trata-se de uma filmagem dos amigos brincando com hamsters, 13, para ser mais exato. Um deles foi apelidado de Johnny Borrell (vocalista do Razorlight [tá, isso é um pouco engraçado]), algum outro foi responsabilizado pela entrega de uma mensagem de Amy para seu marido encarcerado, Blake Fielder Civil, que dizia “não se separe da Amy, ela te ama”. Doherty entregou uma outra mensagem para um terceiro roedor: “Se você pedir divórcio, vai ter que se ver comigo”. Você pode ver um desses filmes aqui, o outro foi deletado pelo próprio Pete Doherty. Mas ela não tava tendo um affair com um tal de Alex Hanes? Whatever.

Em Novembro de 2007, o vocalista da banda Palladium, Peter Pepper, falou à imprensa que Amy Winehouse havia matado seu hamster no ano anterior. Pra relembrar a história, clique aqui.

Agora, vamos ao terceiro. Mais “cool” do que os que citei acima (sem dúvida nenhuma), você pode conferir na gravação a mais-magra-do-que-nunca Amy Winehouse em uma bonita performance com sua afilhada. A menina de apenas 12 anos – chamada Dianne D. – mostra sua bonita voz em frente a bandeira do Reino Unido, enquanto sua madrinha toca guitarra. Ao que tudo indica, a música se chama “If I Ain’t Got You” e foi gravada na casa de Pete Doherty. Confira abaixo:

Mais algumas informações:

A dupla está tentando compor uma música faz tempo, mas Winehouse diz que tudo que o amigo compoe é porcaria, segundo o The Mirror. Outra coisa, sairam umas fotos polêmicas no Daily Mail da cantora correndo descalça em um parque inglês. O que chama a atenção é a falta de gordura da cantora. Veja.

Também dizem que Wino vai receber uma quantia equivalente a cerca de 3 milhões de reais para tocar na inauguração de uma galeria de artes em Moscou. A performance deve acontecer no mês que vem.

Saindo de Amy Winehouse…

Lou Reed

O músico que foi consagrado pelo Velvet Underground vai ter seu próprio programa de rádio. ‘Lou Reed’s New York Suffle’ estréia hoje na rádio nova-iorquina Sirius. Reed disse que esse será um programa eclético, onde se poderá ouvir de tudo um pouco: Rock, Jazz, Country ou Ópera, “como era nos velhos tempos”.

Lou Reed

Lúcio Ribeiro e Shows no Brasil

Esse jornalista confirma tantos shows no Brasil que merece uma parte do nosso resumo da semana só pra ele. Só nos resta saber se o que ele diz realmente vai acontecer. Nessa semana, Lúcio postou o seguinte em seu blog:

* TIM FESTIVAL 2008 – O superfestival brasileiro, que precisa reconquistar o amor paulistano, começa a ficar apaixonante…
– Gossip (confirmado)
– KLAXONS (confirmado)
– MGMT (confirmado)
– SANTOGOLD (confirmado)
– Leonard Cohen (quase)
– Mika (pode ser)
– Beirut (pode dar para trás)
– Gogol Bordello (confirmado)
– Amy Winehouse (o Tim quer, ela diz que sim, mas vai saber…)
– Radiohead (xi…)
– Marcelo Camelo solo (confirmado)

O rapaz também disse que “Um integrante do grupo Mando Diao disse em Estocolmo que está acertado para tocar em um festival brasileiro em agosto”. Em qual festival? Supostamente, no Indie Rock, que já conta com Broken Social Scene e The Kooks em seu line-up.

Peter Bjorn & John, donos do hit ‘Young Folks’ – que, diga-se de passagem, ganhou uma ótima versão na voz de Luke Pritchard – devem tocar em nossa terra em Setembro. Por enquanto, duas apresentações foram confirmadas, e ambas em festivais: Invasão Sueca e No Ar Coquetel Molotov, que acontecem em Setembro respectivamente em São Paulo e Recife. Dizem por aí que Radio Dept e Acid House Kings também devem aparecer na Invasão Sueca.

A banda Metric está na lista de shows de 2008. Os canadenses farão uma performance no festival paulista Motomix, ao lado de The Go! Team e Fujiya & Miyagi. Data? 28 de Junho. A entrada é franca.

Kaiser Chiefs

Echo & The Bunnymen, banda de inglesa de post-punk, também confirmou a passagem pelo Brasil. O grupo vem no início de Julho para tocar em São Paulo (Via Funchal, dia 2), Curitiba (Helloch, dia 4) e em Porto Alegre (Pepsi Stage, dia 5). O grupo lança seu décimo primeiro álbum – que se chamará ‘The Fountain’ – no dia 14 do mesmo mês.

E pra terminar, Kaiser Chiefs no Brasil. Bom, foi o que a Ilustrada da Folha Online anunciou: a banda fechou com o Festival Planeta Terra.



Amy Winehouse e Pete Doherty: Novidades em 4 parágrafos by Cedric
março 26, 2008, 5:02 pm
Filed under: Pete Doherty | Tags: , , ,

Ontem (segundo a NME) ou anteontem (segundo o The Sun), Amy Winehouse recebeu uma visita de seu amigo. O vocalista do Babyshambles visitou o apartamento da cantora tarde da noite, acompanhado de seu diário e de seu violão.

Existem especulações de que, nessa noite, a dupla esteve trabalho em ‘Your Hurt The Ones You Love’, que de acordo com Doherty será o primeiro trabalho dele com “sua grande amiga”.

Enquanto o ex-Libertine esbanja sucesso com sua carreira solo, os problemas de Amy Winehouse parecessem não se resolver. O jornal inglês ‘The Sun’ (que já foi citado como referência nesse post) levantou a hipótese de que a cantora voltará para o rehab em breve, só que, dessa vez, bem longe de Londres. A fonte do jornal disse que Amy provavelmente se internará numa clínica em Cape Town, na África do Sul.

Foto do ‘The Sun’.

Na mão do Doherty não é cocô, é terra.

Mas, mesmo com o sucesso, a vida de Pete Doherty não está um mar de rosas. A sua ex (e talvez ainda amada) está para se casar com Jamie Hince, do The Kills. Quem sabe esse não é o motivo da visita? Conversar sobre Kate Moss, trocar idéias sobre o rehab…enfim, possibilidades não faltam (mas tomará tenha sido pra fazer música).



Keith Richards diz que Amy Winehouse é a sua cantora preferida by Cedric
março 17, 2008, 3:10 pm
Filed under: Rolling Stones | Tags: , , , ,

Saiu no segundo jornal mais vendido do Reino Unido: Amy Winehouse é a cantora preferida do guitarrista do Rolling Stones, ou melhor, a única que ele gosto, segundo o próprio Keith.

Keith falou mais. Na mesma entrevista, o músico entrou pra lista dos que acham que Amy vai morrer logo, “esta menina não vai longe se não se cuidar”. “Não sou um pregador, mas já passei por isso e sei como é”, explicou-se, lembrando dos tempos em que se metia em confusões quase semanais com as autoridades e com drogas.

Mick Jagger e Keith Richards 

Na semana passada, Keith Richards, dessa vez ao lado de Mick Jagger, deu conselhos à Winehouse no festival de Berlim, falando que a inglesa deveria se recompor o mais rápido possível. Depois, foi a vez de Mick falar. Pegando carona no assunto, o vocalista comparou os problemas de Pete Doherty e da já citada Amy com os problemas com drogas pesadas do Rolling Stones, que segundo os integrantes, já viraram passado.

Jagger terminou justificando seus antigos problemas, falando que, ná época, as pessoas não tinham conhecimento das consequências do uso de drogas. Enfim, o que ele provavelmente quis dizer é que antigamente haviam desculpas para se drogar – a falta de conhecimento sobre o assunto, como o mesmo citou – e que hoje em dia usar substancias ilícitas é burrice.



Pete Doherty e Carl Bârat vão escrever musical by Cedric

Bom, Pete Doherty todo mundo já conhece: A estrela do Babyshambles que brilhava mais nos Libertines. Já o guitarrista Carl Bârat caiu um pouco (eu disse um pouco) no esquecimento depois de sair de sua banda mais famosa. Qual? The Libertines. Não lembrou? Vou dar uma dica: Carl era o integrante que beijava Doherty em quase todos os shows da já extinta banda.

O musical foi confirmado e estaria sendo escrito para a casa Donmar Wine…*ops* Warehouse. Segundo Bârat, eles terão que escrever “umas 20 músicas” para o espetáculo.

 

Enquanto o projeto não fica pronto de vez, Pete segue fazendo shows solo e com sua banda, e Dirty Pretty Things, banda de Carl, começa a fazer shows pela Europa no início do mês que vem.

E, aproveitando que estamos falando do Doherty, o cantor tem se dado bem com seus shows sem a banda. Tão bem que, em 2008, Pete Doherty vai ser a atração principal do ‘Park Stage’, um dos palcos do Glastonbury. No ano passado, o babyshamble fez uma performance surpresa nesse mesmo palco.



Show solo do Pete Doherty e T In The Park fazem ingressos vender feito água by Cedric
fevereiro 18, 2008, 5:08 pm
Filed under: Pete Doherty | Tags: , , ,

É, os europeus realmente tem dinheiro para gastar.

Sabe aquele festival, o T In The Park? Falamos dele há pouco tempo. O evento que acontece no Reino Unido nesse ano e é um dos maiores daquela região teve seus ingressos esgotados em apenas 1 hora!

As mais de 50 atrações de peso como The Verve, R.E.M, Rage Against The Machine, Kaiser Chiefs e Interpol (que se apresenta no Brasil em Março) fizeram seu trabalho e levaram 40 mil pessoas aos postos de venda do festival, fazendo com que o primeiro lote de ingressos (metade dos 80 mil disponíveis) desaparece.

A venda começou nessa sábado (16) e os organizadores esperam que não sobre nenhum dos outros 40 mil tickets que já estão sendo vendidos. O festival acontece nos dias 11, 12 e 13 de Julho.

O line-up completo você confere aqui.

Agora, vamos falar daquele Babyshamble, o Pete Doherty.

Pra quem não sabe, o vocalista da banda fará o maior show solo de sua carreira no final de Abril. Agora, vem a surpresa: Os ingressos, que começaram a ser vendidos no mesmo dia dos do T In The Park, acabaram em um espaço de tempo extremamente curto. Quer tentar chutar? 2 horas? Longeee… 1 hora? Menos! Vou falar logo, os fãs de Doherty devoraram os 5 mil ingressos em apenas 20 minutos.

O Show de Pete acontecerá no Royal Albert Hall, em Londres. O lugar está de pé desde 1871.

Mugg esta noticia



Babyshambles ignorado por ex-Beatle by alex correa
janeiro 8, 2008, 6:24 pm
Filed under: Outros | Tags: , , ,

No ano passado, o vocalista do Babyshambles Pete Doherty incluiu Paul McCartney em seu círculo social.

Mais tarde, Pete convidou o ex-Beatle para assistir um show da banda em novembro, que aconteceu em Londres.

Segundo os tablóides, Sir Paul aceitou o convite porém não apareceu a apresentação. A desculpa que ele deu foi: “Estava ocupado do outro lado do Atlântico”.



Pete Doherty acusado de plágio by Gabriel

Pete Doherty, vocalista da banda Babyshambles, está sendo acusado de plágio por Wayne Kenyon, amigo de Mick Whitnall, guitarrista do grupo.

De acordo com ele, a música ‘Baddie’s Boogie’ foi baseada em uma composição que ele escreveu em 1997, enquanto estava em turnê com o grupo de rock The Ferrymen. Na época, Mick Whitnall pertencia a banda.

Devido a tal fato, o músico iniciou uma ação na justiça contra Doherty.

Kenyon disse – “Baddie’s Boogie é uma das faixas que eu compus para o The Ferrymen. Eu tenho gravações em que eu a toco em 3 concertos na Alemanha em 1997.”

De acordo com o músico, Whitnall prometeu que seu nome seria mencionado no álbum Shotters Nation, no entanto somente o de Pete é encontrado.

“Eu escrevi para a gravadora do Babyshambles, eles disseram que levariam essa situação para os seus advogados. Mas ainda não obtive resposta”

Além desse caso, Doherty também enfrenta acusações de ter utilizado as letras de Nick Toczeks, músico punk, em ‘Baddie’s Boggie’ sem sua permissão.



Confusão em show solo de Pete Doherty by alex correa

Ontem a noite (16), o vocalista do Babyshambles, Pete Doherty, fez um show solo em Londres.

A abertura do show foi feita pela banda ‘Television Personalities’, que estava tocando suas músicas em perfeita ordem quando a vocalista Alan Wass (Left Hand) – que estava muito drogado – invadiu o palco.

Left Hand é uma banda inglesa de pouco sucesso mas Alan é bem conhecido entre os fãs de Doherty. Em Fevereiro de 2005, os dois foram presos e acusados por roubo, porém o processo não andou por falta de provas. Além disso, Wass participou do documentário ‘Who The Fuck Is Pete Doherty?’ e também já esteve ao lado de Doherty em outros palcos.

Alan Wass logo foi retirado do local por seguranças e o show continuou. Alguns minutos depois, Pete Doherty subiu ao palco e conquistou o público tocando músicas do Babyshambles e algumas outras.

Depois do show, Doherty disse a NME: “O show foi ótimo, haviam anos que não tocava algumas dessas músicas” – e continuou – “a última vez que fiz um show solo foi no Hackney Empire (antigo teatro londrino) em Abril. Foi ótimo!”.

Amanhã Pete volta a casa de shows Rythm Factory, dessa vez com sua banda.

Pete Doherty tocou:
‘Fuck Forever’ / ‘Pay The Lady’ / ‘Don’t Look Back Into The Sun’ / ‘Carry On Up The Morning’ / ‘The Delaney’ / ‘Death On The Stairs’ / ‘UnBiloTitled’ / ‘Never Never’ / ‘La Belle Et La Bette’ / ‘Tell The King’ / ‘You’re My Waterloo’ / ‘For Lovers’ / ‘What A Waster’
‘Can’t Stand Me Now’ / ‘Lady Don’t You Fall Backwards’ / ‘Bollywood To Battersea’ / ‘Time For Heroes’ / ‘Dilly Boys’ / ‘The Blinding’ / ‘Bucket Shop’ / ‘Through The Looking Glass’ / ‘Up The Bracket’ / ‘Music When The Lights Go Out’ / ‘I Wish’ / ‘You Talk’ / ‘What Katy Did’



Pete Doherty não comparece e é substituido por fã by alex correa
dezembro 7, 2007, 10:17 pm
Filed under: Outros | Tags: , , , , , ,

Ontem a noite aconteceu a abertura do ‘Shockwaves NME Awards’, na Inglaterra. Além de The Wombats e Joe Lean And The Jing Jang, uma apresentação do Babyshambles estava programada para a noite. Porém, o vocalista Pete Doherty avisou que não compareceria ao evento poucas horas antes do evento começar por motivo de doença.
Sem Pete e Mick (guitarra), o baterista Adam Ficek e o baixista Drew McConnell subiram ao palco e fizeram um pequeno discurso falando sobre a ausência dos outros membros, e logo depois começou o show.

Depois de tocarem ‘I Wish’, McConnell anunciou que deixaria o setlist por conta do publico e logo em seguida, convidou um fã para se juntar a banda no show: “Você sabe tocar? Qual é o seu nome? Jamie? Vamos, botem o Jamie em cima do palco.”Quando Jamie (mais tarde identificado como Jamie Bell) subiu no palco, logo recebeu a guitarra de McConnell para tocar ‘Carry On Up The Morning’. Além de tocar, Bell também cantou com uma voz que disseram ser parecida a de Doherty. “Achei maravilhoso cara” – disse McConnell – “ele foi melhor do que eu”.Quando a música acabou, o sortudo e invejado Jamie desceu do palco ao som de uma salva de palmas, e depois o show continuou por mais alguns minutos.



Parceria de Amy Winehouse com Babyshambles já tem nome by alex correa
dezembro 3, 2007, 10:21 am
Filed under: Outros | Tags: , , , ,

Em entrevista a revista britânica NME, Pete Doherty do Babyshambles deu mais detalhes sobre a música que a banda gravará com Amy Winehouse.

Doherty falou que recentemente tem se encontrado com Amy para produzirem algo. A música já até tem nome, ‘You Hurt The Ones You Love’. “Quem é a pessoa que eu gostaria mais que produzisse algo comigo? Amy Winehouse.”, disse Pete.

A única coisa que ficou faltando foi a previsão de lançamento.



Eu te ajudo, você me ajuda. by alex correa
novembro 21, 2007, 8:53 pm
Filed under: Outros | Tags: , , ,

Em entrevista ao jornal britânico The Sun, Pete Doherty (vocalista do Babyshambles) falou que nesses últimos dias tem mantido contato com Amy Winehouse para ajudar a cantora a superar a prisão de seu marido (Blake Fielder-Civil).

“Combinamos nos ajudar na luta contra as drogas” – Disse Doherty – “Amy só quer seu marido de volta para o Natal” – completou.

Vale lembrar que a algum tempo atrás os “amigos” comentaram sobre um possivel dueto, mas até a data não se tem mais notícias.

Eu particularmente acho que essa parceria deles não tem dado muito certo, mas isso é só minha opinião. Outra coisa que eu acho é que a Amy acha que o Blake é um deus, mas isso também é só minha opinião.



Pete Doherty nas drogas novamente by alex correa
novembro 17, 2007, 1:15 pm
Filed under: Outros | Tags: , ,

Recentemente, o vocalista dos Babyshambles foi flagrado novamente usando drogas, depois de sair da clinica de reabilitação. Dessa vez, Doherty foi filmado cheirando cocaína, e ao perceber que estava sendo filmado ele encarou friamente a câmera. Vale lembrar que esse não é o primeiro furo que Pete dá depois de sair da clinica, ele também já foi flagrado injetando heroína.

Pete Doherty já se desculpou aos fãs, mas acabou cometendo o erro novamente.

Incrivelmente, ele tem um histórico pior do que a srta. Winehouse e seu marido juntos. Pete já foi preso duas vezes por portar heroína, maconha, crack e cocaína. Também já foi sentenciado a ficar 4 meses afastado da banda e a ficar 12 meses numa clínica de reabilitação.

Os vídeos de consumo de drogas de Doherty foram parar na revista The Sun e no You Tube. Clique aqui para ver o vídeo (não aconselhável á fanáticos por Babyshambles ou pelo vocalista).

What a shame, hun?