Move That Jukebox!


Crítica: Music For An Accelerated Culture (Hadouken!) by marçal
setembro 23, 2008, 11:13 pm
Filed under: Críticas e Recomendações, Hadouken! | Tags: ,

O debut deles saiu em maio, mas como pouco foi dito por aqui, estou fazendo esta crítica um tanto atrasada, mas antes tarde do que nunca.

A banda com um dos nomes mais criativos que eu conheço, o Hadouken! já tinha feito sua fama mundialmente através de EPs e singles lançados no ano passado. Com bases eletrônicas agressivas e músicas meio cantadas, meio faladas pela voz forte e rouca de James Smith, e contando com uma ajudinha da NME, eles estavam com tudo.

Só que em novembro de 2007 eles deixaram os fãs desconfiados, com o lançamento de mais um single acompanhado de um vídeo, da música ‘Leap Of Faith’. A pose e o som de banda emo adolescente fizeram muitos ficarem com medo de que o Hadouken! tinha mudado, que a galera que só estava afim de festejar havia mudado de rumo, e que vinha por aí um álbum inteiro de Leap of Faiths.

Felizmente a gangue do Ryu aceitou bem as críticas e lançou este ano ‘Music For An Accelerated Culture’, recheado de hits dançantes, atingindo as expectativas que foram criadas em torno dele. Inteligentemente, eles preferiram abrir mão de algumas músicas já lançadas, que talvez sejam melhores que certas faixas do álbum. Seria previsível demais utilizar todas as músicas dos EPs. Não seria um álbum, seria um EP expandido.

O debut já se inicia com uma das melhores músicas, ‘Get Smashed Gate Crash’, como um cartão de visitas da banda, gritando em alto e bom tom: “Let’s get this party started!”. É é isso que se vê ao longo de (quase) todo o disco, muita festa. Quase todo, pois algumas músicas mais melódicas, como ‘Driving Nowhere’ quebram um pouco o clima, mas sem afetar a qualidade do àlbum.

O ponto fraco foi ter deixado de fora uma das melhores músicas da banda, a que nomeou este blog, ‘Dance Lessons’ (Mo-mo-move that ass!). Porém o Hadouken! conseguiu fazer um ótimo primeiro disco, pregando a diversão e a festa, como Smith entoa em ‘Liquid Lives’: “Drink! Smoke! Fuck! Fight!”. Meia lua pra frente e soco na tristeza!

Autor: Marçal Righi

Anúncios

10 Comentários so far
Deixe um comentário

a foto eu escolhi para confirmar a teoria da thais hahahaha

Comentário por marçal

ée, eu sei das coias… hahahahah

Comentário por thaís

Hadouken! é demais :D

Comentário por fulano

Hadouken! bagaça demais.
acho que valia um 6 estrelas, mas está bom, ótimo comentário, marçal.

e qual a teoria? (curioso)

Comentário por Guilherme Yamamoto

a teoria é de que todos os posts com bandas e fotos coloridas são escritos pelos marçal. :)

Comentário por thaís

como eu to digitando errado hoje. Oo

Comentário por thaís

Hadouken é um tanto pesado de se ouvir. Tem umas músicas que são barulhentas demais. É bom, mas fico apenas com algumas musicas, como Liquid Lives, The Bounce, e outras…

Comentário por Guilherme Spada

fiquei curioso agora para ouvir…

Comentário por Wallace Souza

é a banda com um dos nomes mais cool do mundo!

Comentário por vlmazon

[…] Em 2007, um hit do Hadouken! estava dando nome ao blog que você lê hoje, mas eu não esperava que escreveria sobre o grupo um ano mais tarde, muito menos colocando seu debut na frente de um disco do godlike The Killers. Fazendo uma mistura comum ao final dos anos 2000, esses ingleses usam alguma coisa de rock,  um tiquinho assim de carimbó, um pouco de hip hop e muito, mas muito da música eletrônica que escutamos em Daft Punk e Justice. O amigo Marçal já lhes escreveu sobre eles aqui, e vale a pena re-ler. […]

Pingback por Os melhores discos de 2008 « Move That Jukebox!




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: