Move That Jukebox!


Barbiekill: Mostrando que no Nordeste também tem electrorock! by marçal
fevereiro 4, 2008, 6:37 pm
Filed under: Barbiekill, Entrevistas

Nascida em uma festa de amigos, como uma brincadeira, acabou crescendo e a cada dia ganha mais visibilidade. Essa banda é o Barbiekill. Mas qual é o motivo desse crescimento tão rápido? Talvez as músicas animadas com letras debochadas, ou então estavam na hora certa, no lugar certo.

O momento é o melhor possível, coma febre da New Rave. Já o lugar talvez não seja o mais propício para o estilo. A banda é de Natal, RN, que digamos, não é um berço do electrorock, mas talvez isso a ajudou. A banda veio como uma inovação, diferente de todas as outras do local, e isso agradou a muitos.

As claras influências de outras bandas brasileiras como CSS e Bonde do Rolê fazem das músicas do Barbiekill uma animação geral. Eles têm um EP lançado, “Ai Meu
Edy!”, que pode ser baixado aqui.

Conversamos com o vocalista, Daniel, e o baterista, Waldemar, e eles nos contaram mais sobre a banda e essa ascensão rápida. A entrevista você confere logo abaixo.

MTJ!: Como nasceu a banda?

Waldemar: Daniel, responde essa, eu não lembro. (risos)

Daniel: A gente tava tomando banho de piscina e bebendo e então a gente começou a falar de como ia ser legal se a gente tivesse uma banda que tocasse nas nossas festas. Nós costumamos fazer muitas festas. Daí a gente se juntou de brincadeira e como eu disse que ia cantar todo mundo começou a rir, porque quando eu cantava musicas do ‘É o Tchan!’ eu desafinava pra cacete .Waldemar já sabia tocar bateria e tinha um menino que não é mais da banda que tocava guitarra. A banda nem tinha a mesma formação de agora.

MTJ!: Em pouco tempo de banda, quais são as vitórias que já tiveram?


Daniel:
O mais legal foi o reconhecimento, as pessoas ficam perguntando as novidades. Temos shows marcados em outros estados.

Waldemar: Acho que gravar nosso EP pagando a maior parte com nosso dinheiro de cachês foi uma.

Daniel: Ah é, gravar o EP com o dinheiro que conseguimos de shows. Acho que foi o melhor! (risos)

MTJ!: Como banda nova, quais são as dificuldades que vocês encontram?

Daniel: Falta lugar legal pra tocar.

Waldemar: Pra falar a verdade eu nem vejo muitas dificuldades.

Daniel: Acho que por sermos novos, somos pouco levados a sério por quem organiza alguns dos eventos que tocamos. Questão de som e tal. Mas acho que só isso. As coisas tão vindo fácil, até. Somos chamados pra tocar nos lugares.

Waldemar: Acho que isso seria mais a falta de estrutura, porque já tocamos praticamente em todos os locais que a cidade dispõe. O som, nunca tem um som de qualidade.

Daniel: Acho que o som é o pior. Às vezes tem [um som de qualidade], mas não é sempre. Já tocamos sem passar o som e foi uma bosta, um grande dum cu.

MTJ!: Como ocorreu essa inserção de vocês nas boates e clubes natalenses?

Waldemar: Uma das primeiras vezes que tocamos foi no Avesso, boate gay daqui.

Daniel: Fomos indicados por uma amiga pra abrir o show o Montage, daí depois desse show fomos super bem comentados e passamos a ser chamados pra vários outros.

Waldemar: Fomos convidados porque a atração principal era Montage, e como éramos a única banda que tem um som eletrônico aqui em Natal tivemos um crédito.

Daniel: Também tinha o Dusolto, mas eles estão de férias desde que foram no programa do Jô. Mas eles não têm nada a ver com o Montage. A gente ainda combina um pouco.

MTJ!: E tem alguma proposta pra tocar em algum lugar maior, fora de Natal?

Daniel: Fomos a primeira atração confirmada pro MADA, um festival grande, mas é aqui em Natal. Fora daqui tem, mas disseram pra a gente não mencionar ainda, só estaremos liberados após o carnaval.

MTJ!: Como é o cenário musical alternativo do Rio Grande do Norte?

Daniel: Aqui proliferam bandas que fazem rock naquele estilo antigão, 60’, 70’, sabe? O pessoal daqui adora. E tem hardcore, uó. Tem muita banda de hippie também.

Waldemar: Não tem um incentivo muito grande, mas também as bandas não fazem por merecer.

Daniel: É, tem muita gente que faz qualquer coisa e sai dizendo que tem banda, sabe? Mas isso não quer dizer que não tenha uma galera competente.

Waldemar: É claro. Tem gente que faz um som bacana aqui também.

MTJ!: Alguma banda recente que vocês consideram ‘um achado’?

Daniel: Você lembra de alguma?

Waldemar: Rapaz…

Daniel: É que eu gosto de muita coisa nova… É complicado dizer e lembrar de uma especifica. Anteontem conheci o MySpace de uma menina chamada Mallu Magalhães e achei muito legal, ando ouvindo de vez em quando. Acho até que vocês deveriam entrevistá-la.

Waldemar: Tiveram umas bandas que nos adicionaram no MySpace que são até legais. Aquela lá Daniel…?

Daniel: A gente gosta do New Rave Kids On The Block. E tem uma chamada ‘The Man’ que é muito legal, mas eles não são do Brasil. Mas sei lá, é difícil dizer agora.

MTJ!: Querem falar mais alguma coisa?

Daniel: Só mandar um beijo pra mamãe, pro papai, pros meus amigos e pros fãs. (risos)

Gostou? Acesse: MySpaceTramaVirtual Fotolog OrkutEmail

__________

Se você tem uma banda e quer ver ela no blog, mande um e-mail para movethatjukebox@hotmail.com

Autor: Marçal Righi

Anúncios

4 Comentários so far
Deixe um comentário

nordeste é pitty tb =/

Comentário por Gus

Fico super bacana a entrevista, conheci o Fausto( um dos integrantes) pelo orkut, mto agradável ele i zaz.Curto pra caramba o som!
sucesso pra eles ^^

Comentário por Mael

Voces deviam entrevistar a Mallu Magalhaes mesmo.. ela manda muito!

Comentário por Fer

Cara, a entrevista e tudo mais ficou legal pra caramba, mas “Nordeste não é só axé” foi de doer. Aqui existem centenas, milhares de bandas que não tem nada de axé. Axé é bahia. Só. O que impera aqui é forró. E tem Coco, Maracatu, Cavalo Marinho, Ciranda, Embolada, Repente, Rock, Reggae, Metal….

Dá uma sacada no blog que sempre rola notícias, matérias e entrevistas com bandas locais e de fora.

Comentário por Hugo Morais




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: